OS GÊNEROS DO DISCURSO E A LEITURA EM MEIO DIGITAL: O TEXTO E O LEITOR EM MOVIMENTO

DOI: https://doi.org/10.29327/232521.9.1-28

Autores

  • Letícia Pacheco PUCRS, IFSul

Palavras-chave:

Gêneros do discurso, Leitura, Leitor, Literacia digital

Resumo

Tendo em vista o advento das ferramentais digitais para leitura e comunicação, propomos uma breve discussão sobre como os gêneros do discurso têm sido modificados pelos novos modos de ler, o que inclui suportes digitais, formatos de apresentação discursiva, modos de interação do leitor com o texto e organização do enunciado no espaço-tempo. Para isso partimos de noções sobre gêneros textuais a partir da teoria dialógica do Círculo de Bakhtin. Seguimos a discussão traçando um diálogo de aproximação com pesquisadores das áreas da psicolinguística e da neurolinguística, a fim de verificar quais são as habilidades cognitivas envolvidas na leitura que podem acompanhar a tendência nas modificações atuais no modo como lemos e processamos a leitura em meio impresso e em meio digital. Aspectos como a plasticidade cerebral e o refinamento atencional são apresentados como possíveis mecanismos que podem estar sendo fortemente influenciados pelos modos digitais de leitura. Ao mesmo tempo, há uma inevitável tendência na digitalização dos dados, de forma que as informações sigam o ritmo da sociedade atual, de forma fluida, acessível e rápida. Tendo em vista esta perspectiva, buscou-se equilibrar posicionamentos, apresentando aspectos positivos e negativos desta mudança, de forma que a equiparação entre a necessidade da manutenção da implementação da tecnologia digital no incentivo à leitura, e a manutenção da demanda cognitiva alcance uma medida o mais próxima possível de um hábito saudável. Acreditamos que este se trata de um fenômeno relativamente recente e que demanda uma observação científica cuidadosa a longo prazo, visto que é crescente e de caráter definitivo, acompanhando a evolução do comportamento humano e o avanço das tecnologias digitais.

Referências

ARAÚJO, J. C.R. de. Transmutação de gêneros na web: a emergência do chat. In: L. A. Marcuschi e A. C. Xavier. Hipertexto e gêneros digitais: novas formas de construção de sentido. São Paulo: Cortez, 2010.

BAKHTIN, M. Os Gêneros do discurso. Trad. Paulo Bezerra. São Paulo: Editora 34, 2016.

BARON, N. Know what? How digital technologies undermine learning and remembering. Journal of Pragmatics, 175, 2021, p. 27-37.

BUCHWEITZ, A. et al. Das primeiras palavras à aprendizagem da leitura. In: Lent, R., Buchweitz, A., Mota, M. B. Ciência para educação: uma ponte entre dois mundos. São Paulo: Editora Atheneu, 2018.

CARR, N. The shallows: what the internet is doing to our brains. New York: Norton & Company, 2010.

COSCARELLI, C. V. Alfabetização e letramento digital. In: C. V. Coscarelli e A. E. Ribeiro. Letramento digital: aspectos sociais e possibilidades pedagógicas. 3 ed. Belo Horizonte: Ceale; Autêntica, 2021.

COSENZA, R. M., GUERRA, L.B. Neurociência e educação: como o cérebro aprende. Porto Alegre: Artmed, 2011.

DELGADO, P.; SALMERÓN, L. The inattentive on-screen reading: Reading medium affects attention and reading comprehension under time pressure. Learning and Instruction, 71, 2021.

DUDENEY, G. et al. Letramentos digitais. Trad. Marcos Marcionilo. São Paulo: Parábola Editorial, 2016.

GOULART, C. Letramento e novas tecnologias: questões para a prática pedagógica. In: C. V. Coscarelli e A. E. Ribeiro. Letramento digital: aspectos sociais e possibilidades pedagógicas. 3 ed. Belo Horizonte: Ceale; Autêntica, 2021.

HARTMAN, D.K. et al. From Print to Pixels: The Evolution of Cognitive Conceptions of Reading Comprehension. In: Baker, E. A. The new literacies: Multiple Perspectives on Research and Practice. New York: The Guilford Press, 2010.

HORNING, A. S. Reading, Writing, Digitizing: Understanding Literacy in the Electronic Age. Cambridge Scholars Publishing, 2012.

LENT, R. O cérebro aprendiz: neuroplasticidade e educação. Rio de Janeiro: Atheneu, 2019.

MAINGUENEAU, D. Discurso e análise do discurso. Trad. Sírio Possenti. São Paulo: Parábola Editorial, 2015.

MARCUSCHI, L. A. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

MARCUSCHI, L.A. Gêneros textuais emergentes no contexto da tecnologia digital. In: L. A. Marcuschi e A. C. Xavier. Hipertexto e gêneros digitais: novas formas de construção de sentido. São Paulo: Cortez, 2010.

MARCUSCHI L.A. Linguística de texto: o que é e como se faz? São Paulo: Parábola Editorial, 2012.

MEDVIÉDEV, P. N. O método formal nos estudos literários: introdução a uma poética sociológica. Trad. Ekaterina V. Américo e Sheila C. Grillo. São Paulo: Editora Contexto, 2010.

NUNES, J. DA S. Leitura Híbrida: propostas de práticas sociais de letramento digital. 1 ed. São Paulo: Artesanato Educacional, 2018.

OLIVEIRA, R. M. e LENT, R. O Desenvolvimento da Mente Humana. In: Lent, R., Buchweitz, A., Mota, M. B. Ciência para educação: uma ponte entre dois mundos. São Paulo: Editora Atheneu, 2018.

PERDEW, L. Information literacy in the digital age. Abdo Publishing, 2017.

PEREIRA, J. T. Educação e sociedade da Informação. In: C. V. Coscarelli e A. E. Ribeiro. Letramento digital: aspectos sociais e possibilidades pedagógicas. 3 ed. Belo Horizonte: Ceale; Autêntica, 2021.

PONZIO, L. Visões do Texto. Trad. Mary Elizabeth Cerutti-Rizzatti e Giorgia Brazzarola. São Carlos: Pedro & João editores, 2017.

TOVAR-MOLL, F., LENT, R. Neuroplasticidade. In: Lent, R., Buchweitz, A., Mota, M. B. Ciência para educação: uma ponte entre dois mundos. São Paulo: Editora Atheneu, 2018.

TRACEY, D. H. et al. Cognitive Processing Perspectives on the New Literacies. In: Baker, E. A. The new literacies: Multiple Perspectives on Research and Practice. New York: The Guilford Press, 2010.

WOLF, M. O cérebro no mundo digital: os desafios da leitura na nossa era. Trad. Rodolfo Ilari, Mayumi Ilari. São Paulo: Contexto, 2019.

Downloads

Publicado

2022-12-19

Como Citar

PACHECO, L. OS GÊNEROS DO DISCURSO E A LEITURA EM MEIO DIGITAL: O TEXTO E O LEITOR EM MOVIMENTO: DOI: https://doi.org/10.29327/232521.9.1-28. Revista Virtual Lingu@ Nostr@, [S. l.], v. 10, n. 2, p. 211–233, 2022. Disponível em: https://linguanostra.net/index.php/Linguanostra/article/view/263. Acesso em: 2 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos - Volume 10 - 2ª Edição

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Obs .: Este plugin requer que pelo menos um plugin de estatísticas / relatório esteja ativado. Se seus plugins de estatísticas fornecerem mais de uma métrica, selecione também uma métrica principal na página de configurações do site do administrador e / ou nas páginas de configurações do gerente da revista.