Abordagem didática para a análise linguística do conto “a moça tecelã”

Autores

  • Adélli Bortolon Bazza Universidade Estadual de Maringá
  • Fernanda Trevizan e Silva Universidade Estadual de Maringá
  • Helena Gabriela Montemezzo Universidade Estadual de Maringá

Palavras-chave:

Análise linguística, Gênero, Conto

Resumo

Nas últimas décadas, houve muitas mudanças na forma de se compreender a educação e a linguagem. Partindo de uma visada interacionista, propôs-se reformular o trabalho em sala de aula. Em relação ao ensino da Língua Portuguesa, isso implicou trazer para o centro da prática o trabalho com os gêneros, de forma a aproximar a sala de aula com o cotidiano dos alunos. Além das atividades de leitura e escrita, que assumiram um caráter discursivo e mais concreto, o ensino da reflexão sobre a língua foi repensado. Em lugar da metodologia tradicional do ensino da gramática, teóricos e documentos oficiais (PCN, DCE) apontam o método da Análise Linguística como desejável e eficaz. Dessa forma, neste trabalho, propõe-se uma reflexão sobre possíveis aplicações do trabalho de Análise Linguística a o conto “A moça tecelã”, de Marina Colasanti. Como em uma perspectiva interacionista o trabalho com a língua se dá imbricado com o trabalho de leitura e de escrita, apresenta-se uma sequência didática em que se desenvolvem atividades de compreensão do texto, as quais culminam na reflexão sobre como determinadas expressões constroem sentidos (atividade epilinguística) e sobre como esses recursos podem ser classificados e sistematizados pelas teorias gramaticais (atividade metalinguística).

Biografia do Autor

Adélli Bortolon Bazza, Universidade Estadual de Maringá

Professora do Departamento do Língua Portuguesa da Universidade Estadual de Maringá

Fernanda Trevizan e Silva, Universidade Estadual de Maringá

Graduanda de Letras Português-Inglês na Universidade Estadual de Maringá

Helena Gabriela Montemezzo, Universidade Estadual de Maringá

Graduanda de Letras Português-Inglês na Universidade Estadual de Maringá

Referências

BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. Trad. de M.M.E.G. Pereira. São Paulo: Martins Fontes, 1992.
______. Marxismo e filosofia da linguagem. Trad. de M. Lahud e Y.W. Pereira. 12. ed. São Paulo: Hucitec, 2006.
BRASIL. MEC. Parâmetros Curriculares Nacionais. 1º. e 2º. Ciclos do Ensino Fundamental. Brasília, 1998.
______. MEC. Parâmetros Curriculares Nacionais. 3º. e 4º. Ciclos do Ensino Fundamental. Brasília, 1998.
COLASANTI, M. 2003. A moça tecelã. In: Doze reis e moça no labirinto do vento. 11 ed. São Paulo: Global.
FRANCO JUNIOR, A. Operadores de Leitura da Narrativa. In: BONNICI, Thomas;
ZOLIN, L. O. (Org.). Teoria Literária: abordagens históricas e tendências contemporâneas. Maringá: Eduem, 2009.
GERALDI, J. W. Portos de Passagem. São Paulo. Martins Fontes, 1993.
MARCUSCHI, L. A. Gêneros textuais: definição e funcionalidade. In: DIONISIO,
A. P. et al. (org.) Gêneros textuais & ensino. Rio de Janeiro : Lucerna, 2002, p. 19-36
MENEGASSI, R. J.; SANTOS, A. R. dos; RITTER, L. C. B.. Escrita e Ensino. 2. ed. Maringá: Eduem, 2010.
PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação. Diretrizes Curriculares de Língua Portuguesa para os Anos Finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio. Curitiba: SEED, 2008.
PISCIOTTA, H.. Análise linguística: do uso para a reflexão. In: BRITO, Eliana Vianna;
TEIXEIRA, C. de S. Ensino de gramática e Análise Linguística. Ecos. Cáceres - MT, v. 11, n. 2, 2011.
TRAVAGLIA, L. C. Gramática: ensino plural. 2ª ed. São Paulo: Cortez, 2004.
__________. Gramática e interação: uma proposta para o ensino de gramática no 1º e 2º graus. São Paulo: Cortez, 1996.
ZANINI, M. Uma visão panorâmica da teoria e da prática do ensino de língua materna. Acta Scientiarum, v. 21, n. 1, 1999.
ZOLIN, L. O. JACOMEL, M. C.; PAGOTO, C. MOLINARI, S. Violência Simbólica e Estrutura de Dominação em A Moça Tecelã, de Marina Colasanti. Graphos, João Pessoa - PB, v.9, n.2, 2007.

Downloads

Publicado

2019-07-06

Como Citar

ADÉLLI BORTOLON BAZZA; FERNANDA TREVIZAN E SILVA; HELENA GABRIELA MONTEMEZZO. Abordagem didática para a análise linguística do conto “a moça tecelã”. Revista Virtual Lingu@ Nostr@, [S. l.], v. 5, n. 1, p. 20–35, 2019. Disponível em: https://linguanostra.net/index.php/Linguanostra/article/view/81. Acesso em: 30 set. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Obs .: Este plugin requer que pelo menos um plugin de estatísticas / relatório esteja ativado. Se seus plugins de estatísticas fornecerem mais de uma métrica, selecione também uma métrica principal na página de configurações do site do administrador e / ou nas páginas de configurações do gerente da revista.